segunda-feira, 18 de abril de 2011

Escola Profissional Amelia Figueiredo forma mais 121 técnicos

Sede da Escola Profisisonal Amelia Figueiredo
Cerca de 121 alunos estarão sendo diplomados pela Escola Profissional Amélia Figueiredo de Lavor de Iguatu na formação de Técnico em Enfermagem e Informática. A solenidade acontece neste dia 29 de abril, no auditório da 16ª CREDE e contará com a participação de autoridades, professores, alunos e familiares. Esses profissionais com formação técnica a partir desse momento concorrem ao mercado de trabalho com um maior conhecimento adquirido na sala de aula e nas aulas práticas do estágio. Para os profissionais Técnicos em Enfermagem com exercício regulamentado por lei, integram uma equipe que desenvolve, sob a supervisão do Enfermeiro, ações de promoção, prevenção, recuperação e reabilitação referenciadas nas necessidades de saúde individuais e coletivas, determinadas pelo processo gerador de saúde e doença. Suas atividades profissionais são desempenhadas em instituições de saúde bem como em domicílios, sindicatos, empresas, associações, escolas, lar de idosos e outros. Para os profissionais do Curso Técnico em Informática integrado ao ensino médio é um profissional habilitado ao exercício profissional, com sólida formação teórico-prática, postura humanística e ética; capaz de atuar de forma empreendedora junto ao mercado incorporando e transferindo tecnologias. De forma específica, os egressos do curso Técnico em Informática, modalidade integrada, estarão especialmente capacitados  para o desenvolvimento e manutenção de sistemas de informação para internet, assim como para o suporte técnico em equipamentos de informática e redes de computadores.

Elival Pereira - Dir. da Escola Profissional Amelia Figueiredo
Para o diretor geral da Escola Profissional Amélia Figueiredo de Lavor, Antonio Elival Pereira, o papel da escola está sendo cumprido de forma satisfatória e, com isso, mais profissionais que são formados dentro do nível de excelência que a equipe de profissionais do Amélia Figueiredo tem, esses novos técnicos chegam ao mercado de trabalho com conhecimento suficiente para galgar funções inerentes aos seus conhecimentos e conseguir com mais facilidade uma vaga no concorrido mundo do trabalho. "Só se consegue chegar a um bom emprego hoje se o estudante tiver uma boa formação e o propósito da nossa escola é proporcionar a esses alunos um ensino técnico de qualidade com boa formação teórica, uma boa orientação prática e uma formação humanística pautada na ética e no profissionalismo", enfatizou Elival Pereira.


Nenhum comentário:

Postar um comentário