sábado, 23 de março de 2013

Governo do Estado libera R$1,4 bi para combater efeitos da estiagem


O Governo do Estado anunciou, nesta sexta-feira (22), a liberação de R$ 1,4 bilhão para realizar ações emergenciais no combate aos efeitos da maior estiagem dos últimos 50 anos. O repasse foi decidido após balanço feito durante uma reunião entre o governador Cid Gomes e representantes do Comitê Integrado da Seca (CIS), no Palácio da Abolição.

Entre as ações emergenciais definidas, está a construção de 95 km de adutoras, que levarão água para os municípios de Crateús, Pindoretana, Antonina do Norte, Tauá, Coreaú, Beberibe, Moraújo, Pecém e Paracuru. A obra terá um investimento de R$ 22 milhões.

Ainda serão investidos R$ 785,5 milhões, em sistemas de abastecimento de água, barragens e adutoras. Conforme o Governo, as ações beneficiarão 1,2 milhão de pessoas.

Na reunião, também ficou decidido entre os representantes, que será feito mais um sistema de bombeamento de água para o Eixão das Águas, no valor de R$ 4.290.317,60. O Estado definiu a construção do Açude Lontras, na Chapada da Ibiapaba, com um investimento de R$ 350 milhões. O Governo Federal, através do DNOCS, disponibilizará R$ 300 milhões, a construção do Açude Fronteiras, no Sertão de Crateús.

Nenhum comentário:

Postar um comentário