sábado, 6 de abril de 2013

Cidade de Milagres está em estado é de calamidade após chuva de 103mm

As ruas ficaram destruidas pela chuva
Uma pessoa morreu e pelo menos 50 famílias precisaram ser abrigadas em prédios da prefeitura após um açude sangrar em Milagres, a 473,8 quilômetros de Fortaleza, na madrugada de ontem. A água transbordou devido a uma chuva de 103 milímetros que fez a gestão municipal decretar estado de calamidade pública.
 
A precipitação foi a maior registrada pela Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) entre as 7 horas de quarta-feira, 5, e as 7 horas de ontem. Choveu em outros 110 municípios. E a previsão para Milagres é de mais água nas próximas 72 horas.

Segundo o prefeito Hellosman Sampaio de Lacerda, a periferia do município sofreu os maiores danos da sangria do açude. Ruas ficaram destruídas e com buracos onde cabem carros; árvores foram arrancadas e a tubulação de fornecimento d’água acabou prejudicada, deixando algumas localidades sem abastecimento até o começo da noite.

Nenhum comentário:

Postar um comentário