sábado, 13 de abril de 2013

Polícia Civil apreendeu computador de Roberto Pessoa, ex-prefeito de Maracanaú



Ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PR)
O ex-prefeito de Maracanaú Roberto Pessoa (PR) teve notebook apreendido em seu apartamento em Fortaleza, durante operação de busca e apreensão, realizada pela Polícia Civil do Ceará. Na mesma operação, foi cumprido mandado em Maracanaú, no qual foram recolhidos computadores e celulares do gabinete e da casa do vereador Miguel Pessoa (PR), primo de Roberto. O ex-prefeito é citado em denúncias de espionagem envolvendo políticos cearenses.

As buscas, realizadas na última quarta-feira, 10, são parte de investigação solicitada pelo governador Cid Gomes (PSB). Na última sexta-feira, 5, na Assembleia Legislativa, ele afirmou que seus emails foram violados e, por isso, recorreu à Polícia Civil, que abriu inquérito.

Roberto Pessoa estava em Brasília quando ocorreu a operação em seu apartamento, na avenida Beira Mar. “Eram cinco homens da Polícia Civil, mais um delegado e um oficial de Justiça. Passaram cerca de uma hora na minha residência”, contou ele ao O POVO. Os agentes foram recebidos pela mulher de Pessoa, que chamou ao local a filha deles Fernanda Pessoa, deputada estadual (PR).

Conforme Roberto, o notebook apreendido “é meu, mas eu não uso. Quem usa são meus netos. Infelizmente, sou analfabeto em computador. Levaram o brinquedo dos meus netos”. Ele acrescenta que o delegado que pediu ao Ministério Público a realização das operações foi Francisco Crisóstomo, atual chefe do Departamento de Inteligência Policial da Polícia Civil e ex-secretário de Segurança no governo Ciro Gomes. Font: O Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário