sábado, 4 de maio de 2013

Campanha contra febre aftosa pretende superar a meta e conquistar status sanitário livre com vacina

A meta é vacinar mais de 2,6 milhões de animais

A SDA-Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Ceará lançou, nesta sexta-feira (3), a campanha de vacinação contra a febre aftosa. O evento de lançamento foi na cidade de Pindoretama, Região Metropolitana de Fortaleza. Durante a campanha espera imunizar cerca de 2,6 milhões de cabeças de gado em todo o Estado do Ceará. 

De acordo com o titular da SDA, Nelson Martins, o Ceará deverá conquistar o status de sanitário livre de febre aftosa em nível nacional, caso consiga atingir a meta de 93% do total até o fim de maio, após 16 anos sem registro de casos da doença.

Nelson Martins informou que a expectativa é que, no próximo ano, o Ceará consiga conquistar o status internacional de sanitário livre do vírus.

O presidente da ADAGRI-Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará, Francisco Augusto de Sousa Júnior, informa que para conquistar o título, é necessário também realizar outros procedimentos, do que apenas vacinar. É preciso também manter uma estrutura ideal de profissionais para atuar nas fiscalizações, além de escritórios especializados em todo o Estado. 

"Algumas ações foram importantes, o Estado fez concurso para efetivar os médicos veterinários, fiscais agropecuários, e aumentou a capilaridade da agências de 25 para 40 escritórios. Não basta só vacinar, temos que fiscalizar os eventos agropecuários, o trânsito de animais e as revendas de produtos veterinários. É um conjunto de ações que habilita o Estado a ser o status zona livre", declarou o presidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário