segunda-feira, 6 de maio de 2013

Ministério Público denuncia vereadores e servidores de Uruoca por corrupção e formação de quadrilha

Uruoca-CE

O Ministério Público do Estado do Ceará registrou denúncia crime contra vereadores e servidores públicos do município de Uruoca por corrupção e formação de quadrilha.

As investigações apontam que os vereadores Maria Aldebiza Silveira Carneiro, Antônio Eraldo Batista Lima, Elonio Sales, Evilaques Araujo da Silva; o ex-secretário João Lourenço Fontenele Filho; e o servidor da Câmara Municipal Antônio Carneiro Gomes Filho receberam propina para aprovar projetos de lei de interesse do então prefeito de Uruoca, Manoel Conrado.

A ação foi assinada no último dia 24, pelo promotor de Justiça Irapuan da Silva Dionizio Junior.

Os supostos crimes ocorreram desde o início da gestão, em janeiro de 2009, e ocorreram até 2011.

Após a realização de mandados de busca e apreensão de documentos nas residências dos acusados, na Câmara Municipal e na Prefeitura de Uruoca, foi detectado o desvio de R$ 12 mil, por ano, para cada vereador envolvido.

Os vereadores foram denunciados pelos crimes de concussão, corrupção passiva e prevaricação. Já o secretário irá responder pelos crimes de peculato, corrupção passiva e ativa. O servidor Antônio Carneiro Gomes Filho foi acusado de concussão e corrupção passiva. Todos os envolvidos também responderão pelos crimes de formação de quadrilha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário