terça-feira, 4 de junho de 2013

Superintendente da Caixa em Iguatu tem encontro com Aderilo Alcântara e empresário Edvane Matias


Aderilo com Edfvane, Franci (super da CEF e equipe)
Durante a tarde desta terça-feira, o prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara esteve reunido com o superintendente regional da Caixa Econômica Federal, Antonio Carlos Franci e o gerente regional,Francisco de Sousa Machado Neto. O primeiro encontro aconteceu na empresa LCB empreendimentos Imobiliários que é um parceiro da agência em Iguatu e logo em seguida uma outra reunião aconteceu no escritório do empresário do Grupo TubForm, Edvane Matias. 

Aderilo e Edvane explicam importância do projeto das casas
Na oportunidade o prefeito Aderilo Alcântara solicitou ao superintendente Antonio Franci, um estudo de viabilidade para a instalação de mais uma agência da Caixa na cidade de Iguatu em função da grande demanda que o município oferece em termos de público da agência e segundo Antonio Carlos Franci, a Caixa vai realizar um levantamento para um projeto que será inserido no novo projeto de expansão da agência e com o pedido do prefeito Aderilo, será incluido, portanto, nesse projeto, a cidade de Iguatu que poderá ser contemplada com mais uma agência da Caixa Econômica. 

Esse empreendimento vai beneficiar obras de 960 casas
Outro importante assunto debatido entre o superintendente, o prefeito Aderilo e o empresário Edvane Matias, foi o empreendimento imobiliário, que será construído em Iguatu, com 960 casas do Programa Minha Casa, Minha Vida em parceria com a prefeitura de Iguatu e a Caixa Econômica. Esse novo residencial será construído numa extensa área próximo do local onde aconteceu o Iguatu Festeiro do ano passado, na saída para o sítio Baú. 

A assinatura do contrato para início das obras deverá acontecer antes do dia 20 deste mês onde haverá uma grande solenidade em Iguatu com a presença da superintência regional, o prefeito Aderilo Alcântara, a grande liderança política do interior do Ceará, Agenor Neto, empresário Edvani Matias, prefeitos da região e a comunidade iguatuense.   

Nenhum comentário:

Postar um comentário