domingo, 29 de setembro de 2013

Associação de Surdos de Iguatu realiza solenidade com a participação do prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara

Aderilo Alcântara e a Comunidade Surda de Iguatu
A Associação dos Surdos de Iguatu (ASI) promoveu nesta quinta-feira, 26, palestra em comemoração ao Dia Nacional dos Surdos com o objetivo de refletir sobre os avanços e as novas possibilidades de inclusão na sociedade.

O encontro aconteceu no auditório do Colégio Liceu e reuniu o prefeito Aderilo Alcântara, secretários, a comunidade surda, além de membros e colaboradores da ASI. Uma das discussões levantadas durante o debate foi a luta pela criação de uma escola bilíngue, ou seja, uma escola em que a língua de instrução seja a Língua Brasileira de Sinais – a Libras, e que ensine o português escrito como a segunda língua.

O Projeto de Lei que prevê a obrigatoriedade do ensino de Libras no município, por meio da Secretaria de Educação, foi do prefeito Aderilo Alcântara quando ainda era vereador. “Este ato de inclusão serve de exemplo não apenas para as cidades do Ceará, mas do Brasil. A inclusão social dos surdos no cenário escolar é uma realidade em nosso município”, conclui.

Para a coordenadora do Curso de Libras ofertado pela Secretaria de Educação do Município, Telma Mota, Iguatu é privilegiado por dispor desse serviço para surdos e interessados. Com uma carga horária de 180 horas distribuídas em um ano de duração, atualmente o curso básico possui quatro turmas em funcionamento. Texto: Joafrania Nogueira

Nenhum comentário:

Postar um comentário