terça-feira, 21 de janeiro de 2014

De acordo com ONG mexicana, Fortaleza é a 7ª cidade mais violenta do mundo

Centro da capital
Fortaleza é a 7ª cidade mais violenta do mundo, de acordo com estudo realizado pela organização não governamental (ONG) mexicana Conselho Cidadão para a Segurança Pública e Justiça Penal. Conforme a ONG, das 50 cidades mais violentas, 16 estão localizadas no Brasil.

O estudo aponta que 2.754 homicídios foram registrados na capital cearense. Fortaleza está, então, em 7º no ranking da ONG, com 72,81 mortes violentas para cada 100 mil habitantes. Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) afirma não ter tido acesso aos dados metodológicos da pesquisa e, por isso, não pode comentar os números expressos no estudo.

A cidade mais violenta do mundo é San Pedro Sula, em Honduras, com taxa de 187,14 homicídios para um grupo de 100 mil habitantes. Caracas, capital da Venezuela, é o segundo lugar do ranking, com taxa de 134,36 homicídios.
O Brasil, segundo a ONG, está entre os países com maiores problemas de violência e é o país com mais cidades entre as 50 mais violentas. Dessas 50, 16 estão no Brasil, 9 no México, 6 na Colômbia, 5 na Venezuela, 4 nos Estados Unidos, 3 na África do Sul, 2 na Honduras e uma El Salvador, Guatemala, Jamaica e Porto Rico.

Segundo a ONG, o ranking é elaborado baseado no cálculo do número de homicídios registrados em cada cidade dividido pelo numero de habitantes, de acordo com o censo do ano analisado, e multiplicado por 100 mil. Para ser estudado pela ONG, as cidades precisam ter uma unidade urbana definida e ter mais de 300 mil habitantes.

Os números de homicídios considerados pela organização devem corresponder as definições universalmente aceitas, tais como de homicídio doloso ou culposo, e todas as estimativas e metodologia devem ser verificadas e replicadas, além das informações terem de ser acessíveis através da internet.

Nenhum comentário:

Postar um comentário