quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Iguatu e outros municípios serão beneficiados com novas obras de abastecimento d’água

O Governo do Estado do Ceará, através da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA), realiza nesta quinta-feira (20) solenidade de assinatura de ordem de serviço para autorizar o início das obras de 55 sistemas de abastecimento d’água, que serão executadas através do Programa Água para Todos, parceria entre o Estado e o Ministério da Integração Nacional.

A solenidade contará com as presenças do governador Cid Gomes e do secretário do Desenvolvimento Agrário, Nelson Martins e acontecerá no Auditório do Palácio da Abolição, às 9 horas.

As obras contarão com investimento de aproximadamente R$ 9,6 milhões e atenderão comunidades dos municípios de Baixio, Cariús, Iguatu, Lavras da Magabeira, Saboeiro, Catarina, Cedro, Quixelô, Acopiara, Caririaçu, Crato, Mauriti, Barbalha, Missão Velha, Assaré, Juazeiro do Norte e Campos Sales. Serão beneficiadas 2.748 famílias.

O Programa Água para Todos prevê a construção total de 1.350 sistemas de abastecimento. Na ocasião,também será autorizada a licitação para obras de 53 sistemas de abastecimento d’água nos municípios de Acopiara, Assaré, Baixio, Barbalha, Campos Sales, Catarina, Cedro, Crato, Farias Brito, Granjeiro, Icó, Iguatu, Juazeiro do Norte, Jucás, Lavras da Magabeira, Mauriti, Nova Olinda, Orós, Porteiras, Quixelô, Saboeiro, Santana do Cariri, Tarrafas, Umari e Várzea Alegre. O investimento será de R$12.225.936,85, beneficiando 2.857 famílias.

São José III

Também será autorizado o início das obras de 24 sistemas de abastecimento d’água em outros 14 municípios: Aiuaba, Assaré, Potengi, Campos Sales, Tauá, Catarina, Aracati, Cascavel, Guaiuba, Maranguape, Graça, Ipu, Reriutaba e Santa Quitéria. Serão beneficiadas 3.434 famílias, representando o investimento de R$ 12,8 milhões.

Projeto de Produção
Durante a solenidade também será assinado contrato com a empresa vencedora da licitação para fornecer o material de irrigação para a implantação de 363 projetos de Produção Agroecológica Integrada e Sustentável (PAIS) em 19 municípios cearenses. Serão atendidas 1.890 famílias, que terão a oportunidade de desenvolver uma agricultura sustentável e sem o uso de agrotóxicos.

O projeto vai ser destinado para Alcântaras, Barroquinha, Catunda, Chaval, Cariré, Granja, Hidrolândia, Ipueiras, Massapê, Martinópole, Piris Ferreira, Meruoca, Monsenhor Tabosa, Nova Russas, Reriutaba, Santa Quitéria, Uruoca e Viçosa do Ceará.

O investimento total será de R$ 3,4 milhões, sendo R$ 1,4 milhão da Fundação Banco do Brasil e R$ 1,4 milhão do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (FECOP). Outros R$ 600 mil serão aplicados de recursos do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

Nenhum comentário:

Postar um comentário