sexta-feira, 6 de março de 2015

Prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara se reúne com diretores da construtora da Transnordestina

Aderilo Alcântara recebeu equipe da Marquise em seu gabinete
O prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara recebeu em seu gabinete a equipe da Marquise que está na construção da obra da Transnordestina no trecho que compreende a região de Iguatu. As obras desse trecho da ferrovia liga Missão Velha a Acopiara e compreende 150km. Os outros trechos ligam Acopiara a Quixadá e Quixadá a Pecém. De acordo com a empresa, cerca de 400 pessoas serão contratadas para trabalhar nesse trecho com um orçamento em torno de R$ 2 milhões. O prefeito Aderilo Alcântara disse que a prefeitura está a disposição para apoiar a empresa nesse trecho que compreende o município de Iguatu. 

O trecho passará por cinco municípios cearenses: Aurora, Cedro, Icó, Iguatu e Lavras da Mangabeira, sendo que, ao ser concluído, facilitará e barateará o deslocamento de cargas e passageiros na região.

A nova ferrovia, que terá 1.753 quilômetros de extensão ao ser concluída, já está com 43% do total finalizado ou em execução. O lote que liga Salgueiro (PE) a Missão Velha já está pronto e para o novo trecho, foram contratados 100 novos operários, sendo 70 diretos e outros 30 indiretos. Mas quando a obra estiver no pico de execução, estima-se que 2,4 mil trabalhadores serão contratados, e com salários diferenciados. 

Também foram disponibilizadas 30 máquinas entre elas tratores, escavadeiras, motoniveladoras, caçambas e caminhões pipa, além de equipamentos de perfuração. Passando pelos estados do Ceará, Piauí e Pernambuco, a nova ferrovia interligará diversos municípios aos portos de Suape (PE) e Pecém (CE).

Nenhum comentário:

Postar um comentário