terça-feira, 28 de julho de 2015

Mais de 18 mil pacientes estão na espera por uma cirurgia eletiva em Fortaleza

Um levantamento divulgado pelo Sindicato dos Médicos do Ceará revela que atualmente existem 18.897 pacientes na fila de espera por uma cirurgia eletiva em Fortaleza. Os números estão divulgados em um outdoor instalado em plena avenida Santos Dumont, área nobre da capital cearense.

Segundo o levantamento, são pacientes aguardando nas especialidades de ortopedia (6.119), oftalmologia (5.337), otorrinolaringologia (1.300), urologia (1.200), gastroenterologia (1.000) e de variadas especialidades da Santa Casa de Misericórdia (3.441).

Segundo a presidente do Sindicato, Mayra Pinheiro, tal número ainda pode ser maior e os prejuízos para os pacientes decorrentes dessa espera, que em média é de três a cinco anos, são físicos – gerando sequelas muitas vezes definitivas –, emocionais e financeiros, pois comprometem a produtividade laboral do indivíduo.

O Sindicato dos Médicos já propôs, através do comitê interinstitucional criado pelo Ministério Público Federal (MPF) para o gerenciamento da crise da saúde no Ceará, a realização de um cronograma para atender a esses pacientes.

A Secretaria de Saúde do Estado do Ceará ainda não se pronunciou com relação aos números divulgados pelo Sindicato dos Médicos. Fonte: Ceará News

Nenhum comentário:

Postar um comentário