sexta-feira, 3 de julho de 2015

Polícia prende suspeitos de espancar e estuprar adolescentes em Capistrano

Três adolescentes e dois adultos foram detidos entre a tarde de quinta-feira (02/07) e manhã desta sexta-feira (03) suspeitos de espancar duas adolescentes, de 16 e 17 anos, em Capistrano, 110,5 km de Fortaleza. Um dos adolescentes, de 17 anos, e um homem, de 27 anos, foram identificados pela vítima que sobreviveu. A outra jovem atacada foi encontrada morta em uma cisterna da região.

De acordo com o capitão Emanuel de Araújo, comandante da 2ª Companhia do 4º Batalhão da Polícia Militar de Baturité, foram recebidas informações sobre a participação de um jovem, que foi detido por volta das 16h40min, em Capistrano. Ele confessou o crime e delatou um segundo suspeito, que se identificou como Sebastião Pinto, 27 anos.

“A partir daí, começamos as buscas na região para identificar os outros envolvidos no crime. Por volta das 6 horas de hoje, a PM de Capistrano conseguiu capturar mais dois adolescente e um homem identificado como John Lennon”, detalhou o capitão. O segundo adulto, de 20 anos, possui uma tatuagem de Pica Pau no braço, que havia sido descrita pela adolescente sobrevivente. Os outros dois adolescentes detidos têm 14 e 15 anos de idade.

A Polícia teve conhecimento do caso depois que uma das adolescentes chegou ao hospital de Capistrano durante a madrugada de quarta-feira (01) com ferimentos e relatando o sumiço da amiga. Os policiais foram até o local indicado pela menina, mas não encontraram a jovem. Na manhã de quarta, no entanto, uma moradora da periferia da cidade encontrou o corpo da adolescente dentro de uma cisterna.

Segundo o relato da jovem, os desconhecidos ofereceram cocaína e as duas fizeram uso da droga, mantiveram relações sexuais com eles e, em seguida, foram amarradas. Segundo a adolescente, os homens disseram que só não a matariam porque ela era ”muito bonitinha”. A amiga teria sido morta a pauladas.

Os cinco suspeitos foram encaminhados à Delegacia de Baturité, onde prestam depoimento na manhã desta sexta-feira, 3. Pelo menos dez mulheres foram mortas no Estado do Ceará no último mês de junho, conforme levantamento baseado no resumo das ocorrências registradas pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Nenhum comentário:

Postar um comentário