segunda-feira, 27 de julho de 2015

Ronda do Quarteirão: Governo do Ceará troca Hilux por modelo Duster

Devem ser oficialmente entregues na próxima quinta-feira (30) os 30 novos carros do programa Ronda do Quarteirão, da Polícia Militar do Ceará. Os utilitários esportivos da Renault, da marca Duster, custaram R$ 1,5 milhão ao Governo do Estado.

Segundo o tenente coronel Fernando Albano, comandante do Ronda do Quarteirão, os veículos serão usados no acolhimento social. “Esses veículos irão atuar no policiamento ativo, tais como o Ronda Escolar, Ronda Maria da Penha e visitas comunitárias”, explica.

O tenente coronel apontou, ainda, que a escolha do veículo foi feita por meio de uma análise técnica e operacional das atividades que exerceria. Segundo ele, o veículo não necessitaria de uma potência tão grande quanto a Hilux, que realiza policiamento reativo, atendendo chamados.

O Duster 2.0 4×4, que possui valor final ao consumidor em torno de R$ 85.900, concorreu a licitação com outros utilitários como o Chevrolet Spin, de valor final ao consumidor em torno de R$ 58 mil. Junto com os novos carros, foram adquiridas também 15 vans Renault Master completas, que serão usadas para atendimento ao público. As vans custaram cerca de R$ 140 mil cada.

O Governo do Estado obteve cada Duster por aproximadamente R$ 53 mil, enquanto que a Toyota Hilux SW4, modelo adotado desde o início do programa Ronda do Quarteirão, é obtido por, em média, por R$ 140 mil. Em termos práticos, com o valor de cada Hilux é possível comprar quase três Duster zero km.

Quando questionado sobre a mudança, o tenente coronel Albano foi enfático. “Não houve erro na escolha da Hilux, de maneira alguma. A viatura Hilux é uma excelente viatura. Poderíamos ter escolhido qualquer outro utilitário no estilo do Duster, já que esse tipo de carro é ideal para a atividade que serão exercidas”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário