terça-feira, 29 de setembro de 2015

Ministro da Saúde, Arthur Chioro é demitido por telefone

Dilma ligou para o ministro Chioro pedindo o cargo
Após curta ligação feita pela presidente Dilma Rousseff, o ministro da Saúde, Arthur Chioro, foi demitido do cargo. Segundo o jornal o Estado de São Paulo, a presidente apenas disse a Chioro que precisava do cargo. Ela afirmou ao petista que ele fica no cargo até quinta (1°), data em que deve ser anunciada a nova configuração da Esplanada dos Ministérios.

Na última quinta-feira (24), o ministro  fez um discurso em tom de despedida em agenda com secretários de saúde de Estados e municípios e aproveitou para explicitar a "situação crítica" do baixo orçamento da área neste ano. "Eu me sinto muito realizado pessoalmente, profissionalmente, politicamente, por tudo aquilo que já fiz na minha vida, por tudo aquilo que vamos continuar fazendo com vocês, independente do lugar onde cada um vai estar", afirmou Chioro durante o evento.

A pasta da Saúde foi ofertada pela presidente Dilma Rousseff ao PMDB, como forma de garantir o apoio do principal partido da base aliada num momento de crise política. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário