sábado, 31 de outubro de 2015

Avião russo cai no Egito com 224 passageiros a bordo

Um avião comercial da Rússia com 224 passageiros a bordo caiu na Península do Sinai, no Egito, neste sábado (31), segundo as autoridades locais. A aeronave, um Airbus A-321 da companhia Kogalymavia, voava para São Petersburgo, quando caiu em uma área montanhosa.

O avião teria decolado próximo das 2h no horário de Brasília, com boa condição climática, e sumido dos radares após 23 minutos, quando voava a 9.400 metros de altura. Pouco antes da queda, de acordo com a emissora americana CNN, o piloto teria ligado para o controle de tráfego aéreo para informar que estava com problemas técnicos e solicitar um pouso de emergência. Autoridades não confirmam essa última informação. Ainda não se sabe a causa do acidente, mas, segundo autoridades egípcias, não há sinais de que o Airbus tenha sido abatido ou explodido.

Segundo um oficial, o avião teria se partido em dois durante a queda. Poucas horas após a queda, o promotor egípcio General Nabil Sadek ordenou que investigadores vão ao local para analisar os destroços e descobrir as causas da queda. O presidente russo Vladimir Putin expressou suas condolências pelo acidente e ordenou que seus ministros ofereçam assistência imediata às famílias das vítimas, informaram as agências russas de notícias do país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário